Olá, onyxianos! Antes de tudo, gostaria de pedir a ajuda numa coisinha: vocês acham que ficaria ruim demais fazer um lançamento online, ...

Capa e Prefácio de O Guardião Imperial

Olá, onyxianos!
Antes de tudo, gostaria de pedir a ajuda numa coisinha: vocês acham que ficaria ruim demais fazer um lançamento online, via Twitcam, com sorteios e apresentação da obra?

Enfim, retornando ao assunto principal do título, venho aqui para disponibilizar a capa final e a leitura do prefácio de Crônicas de Onyx - O Guardião Imperial! A capa foi confeccionada por Natália Caruso de Matos, do setor artístico da Editora Multifoco. E o prefácio foi escrito pela linda da Josy Tortaro (que já foi postado em seu site AQUI), que usou belas palavras para resumir minha pequena história. Sem mais enrolação, aí vai:

Capa final de O Guardião Imperial

Prefácio:
Conheci o Elton nas redes sociais. Ele se tornou um amigo querido que acompanha meus trabalhos. Eu, apaixonada por suas covinhas, estou doida para dar um abraço pessoalmente neste escritor que aprendi a amar como pessoa e como profissional.
Estou sentindo um tremendo orgulho de escrever essas linhas sobre sua primeira obra publicada. Acompanhei de perto seus sonhos, suas vontades e seus anseios. Só faltava mesmo ler e resenhar o livro e é para isso que vim aqui agora.
Você, leitor, será apresentado a Onyx, um mundo diferente, mas também muito parecido com o nosso, em uma época ancestral. Conhecerá os impérios e os reinos e que dão um brilho especial a esta história com uma originalidade incrível.
Diamante, Esmeralda, Cristal são alguns exemplos. E como todas as histórias épicas, O Guardião Imperial não poderia deixar de ter a tradicional batalha entre o bem e o mal.
Neste mundo fantástico, Moraes nos apresenta guardiões que nascem com o dever de proteger seu povo contra os males de Onyx. Em uma trama bem elaborada, de fácil compreensão e muita, muita ação, conhecemos Endrich e sua trajetória.
Órfão, vive de favor na casa de amigos. O rapaz, de um simples mensageiro se vê no centro de uma guerra que poderá aniquilar sua nação. Qual decisão tomar é o que permeia sua mente.
Este livro apresenta mais do que aventura. Fala sobre autoconhecimento. Endrich precisa saber quem é para escolher o caminho certo a seguir. Ainda assim, a resposta mais óbvia pode não ser a que deseja.
E, então, o que fazer? Deixar que o inevitável te guie? Lutar contra seus maiores receios? Viver? Morrer? Endrich precisa decidir e é essa escolha que te guiará, leitor, pelas páginas deste livro.

Boa leitura!"

Que coisa mais linda, não?
Agradeço muito a Josy, não apenas por prefaciar meu livro, mas por me atender sempre que possível e dar ótimas dicas. Te amo!

No mais, prometo fazer uma postagem com a capa aberta e falar um pouco mais da história e como ficará o livro físico, ok? Espero vocês na próxima.
Abraços,
Elton Moraes

0 comentários: