Olá, leitores divos! E hoje é dia de poesia! Bora conferir a da semana? CONFUSO (08, abril, 2015) Confuso sem saber o que é o qu...

Poetando #3: CONFUSO

Olá, leitores divos! E hoje é dia de poesia! Bora conferir a da semana?

CONFUSO
(08, abril, 2015)

Confuso
sem saber o que é o que neste mundo
Mudo
onde estão as palavras que nunca foram ditas,
escritas, perdidas em um tempo atemporal?
Temporal
que vem, que vai, carregando o luar
que a Lua insiste em deixar de brilhar
Esquentar
o Sol que já não sabe mais iluminar
assim como as estrelas que vão se apagar

Confuso
e o que não era, é, e o que não foi, vai
Calai
Silencia a voz que jamais saiu
encontre o pensamento que se esvaiu
Onde está o que não foi perdido?
Onde foi instalado o sentido?
Confuso
Difuso
Excluso

Comentem, compartilhem, isso é importantíssimo!
Até a próxima,
Elton Moraes

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigado, Everton! Toda semana terá uma poesia nova e, vez ou outra, uma crônica. Espero que possa acompanhar! Abraço.

      Excluir